segunda-feira, 14 de novembro de 2016

Pecuarista faz desmatamento ilegal e vai responder por crime ambiental

Pecuarista desmatou 35 hectares de floresta e foi atuado

Elton Freitas

Foto: Osvaldo Duarte
Em fiscalização nas propriedades rurais do município de Porto Murtinho, (PMA) Policiais Militares Ambientais, que trabalham na operação República, autuaram na tarde deste sábado, dia 12, um pecuarista de 34 anos por desmatamento ilegal. A PMA flagrou a infração em uma fazenda, localizada a aproximadamente 28 km da cidade.

O proprietário rural desmatou 35 hectares na propriedade, medidos com uso de GPS pelos Policiais, sem a permissão do órgão ambiental competente. A retirada da vegetação foi realizada para a plantação de pastagem.

 O proprietário da fazenda, residente em Dourados, foi autuado administrativamente e multado em R$ 35.000,00 pelo desmatamento ilegal. O pecuarista também responderá por crime ambiental e, se condenado, poderá pegar pena de três a seis meses de detenção.

Nenhum comentário:

Postar um comentário