quinta-feira, 4 de outubro de 2018

Cheio de personalidade, Arco da Velha é puro estilo e satisfação


Uma das maiores preocupações do Arco da Velha é manter sua identidade com peças antigas, diferentes e até mesmo exóticas

Thalysson Pereira com Larissa Caroline

O Bazar tem inspiração em lojas das grandes metrópoles
Reprodução/Internet
Inovando no ramo da moda e trazendo o estilo europeu para Campo Grande, o bazar Arco da Velha & Brechó Pop, vende peças selecionadas, artigos importados, discos de vinil, instrumentos, miniaturas e muitas outras novidades. O espaço está localizado na rua Pedro Celestino - região central da capital - há mais de seis anos.

José Carlos de Goes, ex-bancário, casado com a jornalista Leda Ribeiro, também apaixonada por brechó, resolveram juntos montar o próprio negócio. José é colecionador e tinha muitas coisas em casa e em 2011 abriram o Arco da Velha.

No começo, o brechó foi instalado em um espaço pequeno na rua Rui Barbosa de Campo Grande. Contudo seis meses depois, devido ao sucesso, o empresário resolveu mudar de local. “Montamos o primeiro como experiência e para ver o potencial do negócio, e me surpreendi. Em pouco tempo, começou uma grande circulação de gente de todos os lugares e idades”, disse o empresário.

José quis procurar um estabelecimento no centro da capital que atendesse melhor os clientes. “Saímos em busca de um local maior e melhor localizado. Fomos em outro local que ficava na rua de baixo, no entanto, quando vimos esse prédio que estamos atualmente, achei legal e disse: é aqui”, lembrou.

Uma das maiores preocupações do comércio, é manter a personalidade do Arco da Velha, com peças antigas, diferentes e até mesmo exóticas. O casal traz artigos de São Paulo, Rio de Janeiro, Rio Grande do Sul e até mesmo do exterior.

O empresário faz questão de lembrar que tem uma cartela de clientes fixos e quando viaja com a esposa, vê algo com a cara de algum comprador. Ele envia uma foto do produto e pergunta se a pessoa tem interesse. “Tem cliente que compra com a gente desde o início. Quando chega coisas novas ou até mesmo deparamos com algo que lembre esse cliente em nossas viagens, eu mando foto e falo que quando vi pensei nele. Com isso, a pessoa me fala se posso trazer”, explicou.

Uma das coisas que os clientes mais elogiam, é o atendimento. Eles afirmam que é de primeira qualidade e que se sentem à vontade quando vão ao brechó para fazerem compras. Uma cliente que estava na loja no momento em que foi realizada a entrevista, disse que vale a pena comprar tanto para si mesma quanto para presentear alguém, pois, as peças são únicas e de muito bom gosto.

Em uma conversa com o José Carlos, ele explicou que o Brechó Pop tem inspiração em lojas que ele e sua esposa viam em suas viagens, e que existem projetos para ampliar o espaço, porém, com a crise que ocasionou quedas em suas vendas, foi preciso adiar a reforma.

Em 2011, uma acadêmica do curso de jornalismo da universidade Anhanguera Uniderp, fez um trabalho de Trabalho de Conclusão de Curso, baseado na história do Arco da Velha Brechó Pop. Sempre que alguém aparece lá para fazer uma entrevista, é bem recebido pelo casal de empresários, pois para eles é uma satisfação ver o quanto as pessoas sentem interesse em saber mais sobre o local.

O bazar tem tanta clientela física quanto on-line, as vendas são feitas na loja e também através do facebook https://pt-br.facebook.com/bazararcodavelha/ e pelo site http://www.bazararcodavelha.com.br/.

Nenhum comentário:

Postar um comentário